Miso Music Portugal Concert Season

The Miso Music Portugal Concert Season is a cycle of performances organized in connection with various activities exercised by Miso Music Portugal during the year. The Concert Season programmes have different character, varying between events dedicated to electroacoustic, mixed or acoustic music, performances for children, events dedicated to education through art, concerts organized on the occasion of new CD releases or special events dedicated to one composer in particular.
This wide range of proposals is joined by the Miso Music Portugal's quality of providing new music concerts on the highest level, with the participation of renowned performers from the world over. As always, in our programming strategy we give focus to Portuguese music, putting into perspective 20th and 21st century works and the ones being created here and now.

Check here the archive of the Concert Seasons up to 2013

◄ Back
Residências O'culto da Ajuda

Residência de Criação . Philippe Trovão saxofone

from 24 10 2019
to
25 10 2019

O'culto da Ajuda

24 a 25 de Outubro de 2019 | O'culto da Ajuda | Lisboa |

Residência de Criação Philippe Trovão  saxofone

 

RECAST, por Philippe Trovão

nome atribuído ao projecto, tem como principal objectivo a preservação de obras compostas originalmente para saxofone e dispositivo electroacústico, que poderá ser qualquer aparelho analógico que transforme de alguma forma o som do instrumento. A música electroacústica é a resultante da combinação de sons criados de forma mecânica e sons criados de forma electrónica. No panorama da música erudita é ainda bastante recente e apresenta desde o momento em que começou a ser explorada uma problemática que tem que ver com a constante evolução tecnológica e consequente incompatibilidade com meios de processamento e reprodução de áudio que muito rapidamente ficam obsoletos. A acrescentar a esta questão, as partituras, na grande maioria dos casos, não têm informações suficientes para a performance. Perante isto começou a surgir, usando a tecnologia actual, a procura por criar soluções para que estas obras voltem a ser interpretadas. A solução passa por criar em computador simulações dos aparelhos com todas as suas funcionalidades e por criar controlos que permitam ao intérprete modificar os parâmetros do programa. Todo este processo de preservação e transferência de tecnologia tem o nome de Recasting. Este trabalho surge como extensão de várias investigações realizadas sobre esta matéria mas tem como base o trabalho do compositor, pedagogo e investigador António de Sousa Dias, “Case studies in live electronic music perservation: Recasting Jorge Peixinho’s Harmónicos (1967-1986) and Sax-Blue (1984-1992)”. Neste artigo são apresentadas duas obras do compositor Jorge Peixinho (uma delas escrita para saxofone) como caso de estudo e dissertações sobre as implementações feitas em Max/Msp (software de programação visual) para que essas obras, que originalmente foram escritas para câmara de eco e delay de fita, pudessem continuar a ser interpretadas. Para as obras que vão ser interpretadas no concerto foi feito o recast de vários dispositivos diferentes. Em Olos, de Michel Decoust, o compositor usou um dispositivo de transformação que envolve filtragem, delay e transposição, e para Metaksaks, obra do compositor Anatol Vieru, foi usado somente um filtro de voltagem. Para as três últimas obras do concerto será usada a simulação da câmara de eco Korg SE500 feita pelo compositor António de Sousa Dias. Mnemosyne et l’oubli é uma das obras mais marcantes do compositor Marc Tallet e a obra Variants-Invariants, de Costin Miereanu, serviu de inspiração para que Jorge Peixinho escrevesse Sax-Blue, que será a obra com que irá terminar o concerto. A vontade de começar um projecto como este e de fazer um concerto com este tipo de repertório surgiu pelo gosto muito grande que sempre tive por repertório do séc. XX e XXI.

Address Travessa das Zebras 25